PATRÍCULA ELEMENTAR

«A nossa pequena pátria, a nossa patrícula.» B. Vian

#FUCK107 / Can’t you stop saying fuck all the time?

 

 

Por incrível que possa parecer, este é o trailer oficial da versão blu-ray do filme Scarface, dirigido por Brian de Palma, escrito por Oliver Stone e criado por Al Pacino, nos idos de 1983. A fucking classic.

A doutrina nunca foi unânime, mas durante décadas a tirada mais citada do filme, embora se tenha transformado numa superfucking buzz, na verdade não levava sequer um único fuck. Isto, na parte do filme em que Michelle Pfeiffer ainda não usava e abusava do fuck. E do fucking blow.

Lesson number two. Don’t get high on your own supply.

 

 

O conceito deste trailer é realmente muito simples. E muito objectivo. Fuck vezes 196+1 de bónus. Há fuck, fuck fuck, fucking fuck, fuck’em all, don’t give a fuck e fuck de todas as outras espécies e feitios. Para mim, os melhores fuck de todos estão quase no fim, embora não sejam aproveitados como deve ser. Fucking idiots. Não se pode foder, assim sem mais nem menos, a principal tirada do filme. E não eram mais três segundos que estragavam a merda do ritmo. Antes pelo contrário.

I’m Tony Montana. You fuck with me, you fuckin’ with the best.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 30 de Outubro de 2016 by in Patrícula elementar, Voyeur and tagged , , , , , , , , .

Navegação

%d bloggers like this: